_________CLIQUE NA IMAGEM E CONFIRA NOSSO CATÁLOGO_________

quinta-feira, 20 de janeiro de 2022

EXCLUSIVO - COLUNISTA SOCIAL FOI ESFAQUEADO E ESTRANGULADO EM SANTA CRUZ, ANTES DE TER CORPO CARBONIZADO

 O Blog Agreste Notícia teve acesso com exclusividade a mais informações relacionadas ao crime brutal que vitimou o colunista social José Edvanilson Nunes da Silva, o conhecido Danilo Nunes que tinha 43 anos de idade. Os dois adolescentes de 16 e 17 anos de idade, apreendidos nos bairros São Cristóvão e Neco Aragão em Santa Cruz do Capibaribe, Agreste Setentrional de Pernambuco, nesta quarta-feira (19), contaram para a Polícia Civil detalhes de como a vítima foi morta.

 Segundo as informações, a vítima mantinha um relacionamento amoroso com o adolescente de 17 anos há pelo menos dois anos. Danilo da Zíper como era mais conhecido, saiu de sua casa no Centro da cidade, conforme as imagens capturadas por uma câmera de monitoramento, às 22h31min da sexta-feira (14) em seu automóvel Volkswagen CrossFox de cor branco para se encontrar com jovem em uma residência localizada no bairro Nova Santa Cruz.

 De acordo com os depoimentos, na residência (foto) os três adolescentes teriam tentado extorquir o colunista social, querendo dinheiro para comprar uma motocicleta. Com a negativa por parte da vítima, deu-se início a uma discussão e Nunes chegou a enviar sua localização para duas pessoas de seu conviveu.

 O adolescente Carlos Danilo Pereira, de 15 anos de idade, em seguida teria desferido vários golpes de faca peixeira contra Danilo Nunes que também foi estrangulado com um cordão de varal. Após o crime, os envolvidos apagaram várias conversas e fotos do aparelho celular do colunista social, bem como, lavado a faca e o imóvel eliminar provas.

 Os elementos utilizaram um fita isolante para adulterar as placas do veículo da vítima e já durante a madrugada do sábado (15), enrolaram o corpo em um pano, colocaram no porta-malas do carro de Danilo seguindo até a ponte localizada na BR-104, próximo ao Distrito Gravatá do Ibiapina no município de Taquaritinga do Norte, também no Agreste Setentrional, onde encontraram restos de tecidos (buchas) e atearam fogo.

 Posteriormente, seguiram com o carro pela estrada que interliga a BR-104 ao Sítio Jerimum na zona rural da Dália da Serra, onde o motorista Carlos Danilo, perdeu o controle e capotou. Ele não resistiu a gravidade dos ferimentos e morreu no local, antes mesmo de receber qualquer tipo de socorro. Já seus primos, não se feriram gravemente e ao retirarem o corpo debaixo do carro e perceber que o adolescente de 15 anos estava morte, se evadiram do local.

 O corpo de Carlos Danilo só foi encontrado ao lado do veículo, no início da manhã (Clique AQUI e relembre). Ao lado do cadáver também foi visualizado o celular do colunista social que chegou a ser furtado do local do acidente, mas depois descartado no Sítio Jerimum.

 Durante a tarde do mesmo dia, o corpo de Danilo Nunes foi encontrado carbonizado (clique AQUI e relembre) e a família aguarda o resultado do exame de DNA para confirmar oficialmente, a identificação e liberação do corpo para o sepultamento.

 Os dois adolescentes apreendidos levaram a Polícia Civil até a casa aonde o crime de morte foi praticado. No local, a sandália da vítima foi encontrada, a arma do crime e visualizadas marcas de sangue.

 Vale destacar e parabenizar o trabalho intenso, comprometido e eficiente da Polícia Civil reapresentada pelo comissário Marcelo Malhas da equipe Malhas da Lei; pela equipe da Delegacia de Taquaritinga do Norte formada por Jairo, Valeriano e Laércio, pela escrivã Joselma e o delegado plantonista Dr. Elton.

Do: Blog Agreste Notícia

Nenhum comentário: