quarta-feira, 15 de julho de 2020

VICE-PREFEITO CONFIRMA QUE TEVE ASSESSOR QUE FOI MORAR NA ARGENTINA E CONTINUOU RECEBENDO DA PREFEITURA


 Durante entrevista na última terça-feira (08), o vice-prefeito de Taquaritinga do Norte, Agreste Setentrional de Pernambuco, Gena Lins, confirmou uma história que há muito tempo vem sendo comentada nos bastidores políticos da 'Dália da Serra'. O caso do assessor que foi morar na Argentina, porém continuou recebendo salário da Prefeitura Municipal.
 Tudo começou quando o prefeito do município, Lero Ivanildo, nomeou no dia 31 de janeiro de 2017, uma pessoa de nome Arthur Andrade Arruda para o cargo de oficial de gabinete do vice-prefeito Gena Lins. Alguns meses depois de sua nomeação, veio a tona que o servidor teria ido morar no exterior.
 “Foi uma pessoa contratada para ser meu assessor e no período estava na cidade... Ele combinou que em junho precisaria viajar, mas nós sempre nos mantivemos em contato, e ele disse que ia fazer um processo de revalida, e depois voltaria pra gente dar continuidade ao trabalho. Ele era apenas um assessor e assessor, assessora de qualquer lugar, hoje a internet e a rede social nos ajuda pra esse sentido. A gente estava sempre trocando informação, ele sempre estava a par e continuou me dando assessoria, como por exemplo, hoje, o assessor jurídico do município, mora em Recife, quando é preciso ele vem ao município”, explicou Gena.
 O Vice-Prefeito informou que alguns meses, ao saber que seu assessor não voltaria, o exonerou.
 “Então quando foi no período de junho eu liguei pra ele, pra saber se estava tudo certo pra voltar em junho, ele disse só em dezembro, quando foi em outubro eu perguntei se estava tudo certo, ele sentiu dificuldade pra dezembro, então eu exonerei imediatamente”, afirmou.
 Segue abaixo os registros do primeiro e do último mês de pagamento do assessor:
 Os 10 meses de pagamentos de Arthur Andrade estão registrados no Portal da Transparência da Prefeitura Municipal de Taquaritinga e podem ser acessados para consulta.
Do: Blog Agreste Notícia

HOMEM QUE RESIDIA EM TORITAMA É MORTO NA ZONA RURAL DE ÁGUA PRETA


 Um homem foi encontrado morto na manhã da última segunda-feira (13), as margens da PE-096, na zona rural de Água Preta, na Mata Sul de Pernambuco.
 O corpo de Rafael Pereira da Silva, de 31 anos, apresentava diversas perfurações provocadas por disparos de arma de fogo, próximo de um automóvel Volkswagen Gol com as portas abertas e com marcas de sangue.
 Rafael Pereira, atualmente residia em Toritama, no Agreste e tinha parentes na Água Preta. Até o momento o crime é de autoria e motivação desconhecida. O corpo foi periciado e encaminhado para o IML do Recife.
Do: Blog Agreste Notícia Fonte: Blog do Adielson Galvão

TAQUARITINGA DO NORTE SOMA MAIS NOVE CASOS DO COVID-19


 O boletim divulgado nesta terça-feira (14) pela Secretaria Municipal de Saúde de Taquaritinga do Norte, Agreste Setentrional de Pernambuco, confirmou mais 09 casos do novo coronavírus na Dália da Serra que ultrapassou a marca de cem confirmações da doença.
 O município contabiliza 102 confirmações do Covid-19, dentre elas há 05 óbitos e 49 pacientes já recuperados. Ainda estão sendo investigados 30 casos suspeitos e 217 suspeitas foram descartadas desde o início da pandemia.
 Vale destacar que, das 148 pessoas notificadas com síndromes gripais, 31 estão sendo acompanhadas pela Vigilância Epidemiológica e 117 concluíram o monitoramento.
Do: Blog Agreste Notícia

MPPE RECOMENDA QUE SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE CUMPRA PROTOCOLO DE ÓBITO PELA COVID-19


 Após receber denúncias de que médicos e enfermeiros de Santa Cruz do Capibaribe, Agreste Setentrional do Estado, não estavam realizando a testagem de pessoas que haviam falecido subitamente e emitindo a Declaração de Óbito sem ter certeza da real causa da morte, o Ministério Público de Pernambuco (MPPE) recomendou à Secretaria Municipal de Saúde, à Unidade de Pronto Atendimento (UPA-24H), à direção do Hospital Municipal Raymundo Francelino Aragão e à direção do Hospital de Campanha da cidade, que observem e fiscalizem o cumprimento de normas e protocolos de óbitos que devem ser cumpridos por profissionais médicos e equipes de saúde durante a pandemia do novo coronavírus.
 Segundo a recomendação, uma das normas é a nota técnica número 13/2020, da Secretaria Executiva Estadual de Vigilância em Saúde, a qual orienta profissionais médicos quanto aos procedimentos que devem ser adotados para emissão da Declaração de Óbito durante a pandemia. O cumprimento da nota técnica é uma determinação da portaria 177/2020 da Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE).
 Além disso, de acordo com nota, também da Secretaria Executiva Estadual de Vigilância em Saúde, os médicos e enfermeiros devem realizar a coleta de material biológico nasal e da orofaringe de pacientes que venham a falecer e que não tenham sido testados anteriormente para o Covid-19. Nesses casos, o médico somente poderá emitir a Declaração de Óbito após a coleta do material.
 O primeiro promotor de Justiça Cível de Santa Cruz do Capibaribe, Lúcio Carlos Malta Cabral, ressaltou que, no caso de desobediência das notas técnicas, o fato deverá ser imediatamente comunicado às autoridades competentes para fins de apuração de eventual conduta criminal contra a incolumidade e saúde pública, conforme estabelecido por portaria da Secretaria Estadual de Saúde.
 “Tal inércia pode ocasionar riscos, por exemplo, aos familiares, que no momento do velório, possam ter contato direto com o paciente infectado com o novo coronavírus”, pontuou o promotor.
 Os profissionais de saúde que desobedecerem às notas técnicas e portarias também poderão sofrer penalidades administrativas e criminais e responder pelos crimes previstos nos artigos 268 (infringir determinação do poder público, destinada a impedir introdução ou propagação de doença contagiosa) e 269 (omissão de notificação de doença) do Código Penal. Além disso, um procedimento administrativo perante o respectivo órgão de classe poderá ser instaurado.
Do: Blog Agreste Notícia

TORITAMA AUMENTA NÚMERO DE CASOS E MORTES POR COVID-19


 O município de Toritama, Agreste Setentrional de Pernambuco, aumentou mais 03 casos do novo coronavírus, bem como, uma morte provocada pelo Covid-19, segundo o boletim divulgado nesta terça-feira (14) pela Secretaria Municipal de Saúde.
 A Capital da Moda contabiliza 295 confirmações da doença, dentre elas, há 17 óbitos e 179 pacientes já recuperados. Outros 18 casos suspeitos estão sendo investigados na cidade e 312 suspeitas foram descartadas desde o início da pandemia do Covid-19.
Do: Blog Agreste Notícia

PREFEITURA DO BREJO DA MADRE DE DEUS REALIZA OBRAS NA ENTRADA DA CIDADE


 Visando a revitalização da entrada da cidade, a prefeitura do Brejo da Madre de Deus, iniciou nesta semana, a construção da rede de saneamento da Rua Ananias Felix Ramos (Trevo).
 “Estamos com diversas obras nos quatro cantos do município e essa daqui, é um investimento que além de revitalizar a entrada da cidade, também tem ganho na saúde pública, assim como o Hospital Municipal Dr. José Carlos de Santana que estamos concluindo”, pontuou o prefeito Hilário.
 Após a conclusão do saneamento, obras de revitalização da via local serão realizadas, com a pavimentação em paralelos, passeios em piso intertravado e os serviços de paisagismo.
Do: Blog Agreste Notícia Fonte: Assessoria

terça-feira, 14 de julho de 2020

CIDADÃO TEM CARRO FURTADO AO LADO DO MODA CENTER SANTA CRUZ E PRESTA QUEIXA NA DELEGACIA DE POLÍCIA


 Um cidadão compareceu a Delegacia de Polícia de Santa Cruz do Capibaribe, Agreste Setentrional de Pernambuco, durante a tarde de ontem (segunda-feira), após ter seu automóvel Fiat Uno de cor cinza e placas AFV-8473 furtado enquanto estava estacionado ao lado do Moda Center Santa Cruz.
 Segundo a vítima, o carro ficou estacionado no local para que o mesmo efetuasse a entrega de mercadorias, mas cerca de 20 minutos depois, ao retornar para o local, percebeu que seu veículo havia sido levado.
 Qualquer informação que possa ajudar na localização do automóvel é orientado denunciar a Polícia ou ligar para os números telefônicos (81) 9890-97863 ou 9.9146-9616.
Do: Blog Agreste Notícia

BREJO ESTABILIZA E NÃO REGISTRA NÃO UM CASO DO COVID-19 NAS ÚLTIMAS 24 HORAS


 A Prefeitura de Brejo da Madre de Deus através da Secretaria Municipal da Saúde, por meio da Vigilância Epidemiológica, informou que não foram registrados novos casos de Covid-19 nas últimas 24 horas. Outros 03 casos suspeitos foram descartados.
 O município registrou até agora 441 casos, 97 encontram-se em quarentena domiciliar, 06 internados, 12 pacientes vieram a óbito, 326 pacientes já receberam alta após a cura clínica, 574 suspeitas foram descartadas até aqui, 30 casos suspeitos ainda estão em investigação.
 As síndromes gripais, 580 pessoas foram notificadas no município, 36 pessoas estão em monitoramento, outras 544 concluíram o monitoramento.
Do: Blog Agreste Notícia

OPERAÇÃO CONJUNTA DA PF E PRF ERRADICA MAIS 538 MIL PÉS DE MACONHA NO SERTÃO PERNAMBUCANO



 A Polícia Federal em conjunto com a Polícia Rodoviária Federal, deflagrou entre os dias 22 de junho e 12 de julho, uma operação policial denominada ‘Muçambê III. A ação teve como objetivo a repressão ao cultivo ilícito de maconha (Cannabis sativa) em cidades do sertão pernambucano, mais precisamente nas zonas rurais dos municípios de Salgueiro, Parnamirim, Dormentes, Cabrobó, Belém do São Francisco, Orocó, Carnaubeira da Penha, Floresta e Betânia. Ao todo, foram erradicadas dezenas de roças de cultivo da droga sendo incinerados 538.853 pés de maconha, que equivale a cerca de 180 toneladas da droga que seriam comercializadas ilicitamente em vários estados do País. A operação também contou com o apoio e participação da Secretária de Defesa Social do Estado de Pernambuco (SDS/PE), já que participaram da operação bombeiros militares, policiais militares e civis, além de colaboradores eventuais.
 A ação foi dividida em duas etapas. Do dia 22 a 01 de julho, foram realizados trabalhos de inteligência e levantamentos de pontos onde estavam as roças de cultivo ilícito. Para isso, equipes policiais se deslocaram pela região com auxílio de imagens de satélite, utilizando veículos 4x4, GPS e drones de alta tecnologia, capturando coordenadas geográficas dos locais. A partir do dia 02 de julho, foram iniciados os trabalhos de logística e operações. Para realização desta fase, foram montadas três frentes de atuação, sendo uma por terra, com veículos 4x4 capazes de enfrentar terrenos de difícil acesso, outra por água, já que grande parte dos plantios são realizados em ilhas do Rio São Francisco, fazendo-se necessária a utilização de barcos para se chegar até esses pontos, e a última por ar, com o uso de helicópteros, capazes de conduzir os policiais até pontos próximos a plantios que ficam em lugares de acesso irregular como montanhas e terras menos trafegáveis.
 Para o êxito da operação, a Polícia Federal empregou três helicópteros da Coordenação de Aviação Operacional da PF (CAOP), sendo um AW139 e dois Esquilos, 20 pick-ups 4x4, três vans, três botes infláveis com motores de 40HP para águas de baixa profundidade, um caminhão de apoio, um caminhão tanque de combustível com capacidade para 15 mil litros e três drones, além do efetivo de 86 policiais federais e seis agentes administrativos. A Polícia Rodoviária Federal integrou a ação com um helicóptero “Bell 407”, nove viaturas operacionais, uma unidade móvel de pronto atendimento (ambulância) e um efetivo de 38 policiais rodoviários federais que atuaram conjuntamente por todas as frentes de ação. As outras forças de segurança pública contribuíram com o efetivo de seis policiais militares, cinco bombeiros militares e dois policiais civis. Também deram apoio aos trabalhos, 40 colaboradores eventuais sendo paramédicos, trabalhadores de roça, dentre outros.
 O ciclo produtivo da cannabis é acompanhado de perto pelo serviço de inteligência da Polícia Federal, e ao se aproximar do período da colheita, novas ações são realizadas, coibindo assim a secagem e a consequente introdução no mercado consumidor (pontos de vendas de drogas). As constantes operações policiais de erradicação de maconha na região não têm dado tempo aos traficantes locais para produzirem a droga em seu pleno desenvolvimento. Isso tem aumentado a importação da droga advinda do Paraguai e de outros países vizinhos, já que o sertão de Pernambuco deixou de ser o principal fornecedor da droga.
 A Polícia Federal através da Delegacia de Repressão a Drogas (DRE/DRCOR/SR/PF/PE) e sua Delegacia em Salgueiro/PE, vem promovendo ações de identificação e erradicação de plantios de maconha no sertão pernambucano há vários anos. Tais medidas fazem parte das estratégias adotadas pela Coordenação-Geral de Prevenção e Repressão a Drogas - CGPRE, Órgão Central da Polícia Federal em Brasília/DF, com o objetivo de reduzir a produção e oferta de maconha no sertão Pernambucano. Estima-se que desde meados de 1976, a região sofre com o tráfico de drogas. Nessa época, as operações contavam com pouca estrutura e os policiais encontravam grandes dificuldades para realizar um trabalho mais efetivo. Com a inauguração da Delegacia de Polícia Federal de Salgueiro, em 20/03/2000, os trabalhos no combate ao cultivo ilícito da maconha ganharam novo fôlego. Essa efetividade foi comprovada com o saldo dos trabalhos naquele mesmo ano, que chegou ao incrível número de 3.848.093 (três milhões, oitocentos e quarenta e oito mil e noventa e três) pés de maconha erradicados.
 O tráfico de drogas na região acaba atraindo para moradores locais vários problemas como assaltos, furtos, homicídios, assassinatos, acertos de contas, dentre outros crimes, pois geralmente essas ocorrências giram em torno desta atividade ilícita. Cada ponto de venda de droga desabastecido, significa um foco a menos de violência.
 ‘Muçambê’ é um pequeno arbusto da família das Caparidáceas provido de espinhos nos pecíolos das folhas, ocorrendo nas caatingas dos estados do nordeste.
Assista o vídeo:

Do: Blog Agreste Notícia

SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE CONTABILIZA MAIS 54 CASOS DO COVID-19 E TRÊS MORTES


 O município de Santa Cruz do Capibaribe, Agreste Setentrional de Pernambuco, contabilizou nesta terça-feira (14), mais 54 casos do novo coronavírus e também 03 mortes, dois de Idosas com idades entre 60 e 69 anos e um Idoso com mais de 80 anos.
 Com a atualização, a Capital da Moda tem 1199 confirmações, dentre elas, há 26 óbitos e 598 pacientes já recuperados da doença. Outros 33 casos suspeitos estão sendo investigados na cidade e 2184 foram descartados desde o início da pandemia.
 Vale destacar ainda, que, das 1490 pessoas notificadas com síndromes gripais, todas concluíram o monitoramento realizado pela Vigilância Epidemiológica.
Do: Blog Agreste Notícia