_________CLIQUE NA IMAGEM E CONFIRA NOSSO CATÁLOGO_________

_________CLIQUE NA IMAGEM E CONFIRA NOSSO CATÁLOGO_________

sexta-feira, 11 de novembro de 2022

TRE DEVE JULGAR NESTA SEXTA-FEIRA, PROCESSO DE VEREADOR BREJENSE FLAGRADO COMPRANDO VOTOS

 O TRE – Tribunal Regional Eleitoral – de Pernambuco, deve julgar nesta sexta-feira (11), o recurso do vereador Ismar Aguiar (PSL) do Brejo da Madre de Deus, Agreste Central, que foi flagrado por uma câmera de celular comprando votos na campanha eleitoral de 2020. Clique AQUI e relembre.

 O parlamentar já teve o mandado cassado pelo juiz eleitoral na primeira instância, mas se mantém no cargo sob recurso. Caso o Tribunal Regional Eleitoral mantenha a decisão do magistrado, Ismar deverá ser afastado, mas cabendo recurso ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Nesse cenário, o suplemente Hanaelton Peteleco (PSL), assumira o cargo.

 Ismar foi denunciado pelo Ministério Público Eleitoral (MPE) e também por Hanaelton que ficou na primeira suplência. Assista o vídeo que embasou as ações impetradas contra o parlamentar brejense. 

 Vale lembrar, que recentemente, no mesmo município, o ex-vereador Flávio Diniz (PSD) teve o mandato cassado na primeira e segunda instância pelos crimes de abuso de poder econômico e político, além de compra de votos. O 1º suplente do Partido Social Democrata, Isaias Ferreira, está ocupando o cargo.

 Além disso, outros três vereadores do Brejo da Madre de Deus, estão com mandatos cassados na primeira instância, sendo eles: Robertinho Asfora (filho do prefeito Roberto Asfora), Jobson Barros e Marcelo de Dondon, todos do Partido Liberal. As cassações ocorreram devido várias irregularidades na formação da chapa proporcional do PL na eleição 2020. Eles se mantem no cargo sob recurso que deve ser julgado pelo TRE.

Do: Blog Agreste Notícia

Nenhum comentário: