_________CLIQUE NA IMAGEM E CONFIRA NOSSO CATÁLOGO_________

segunda-feira, 9 de maio de 2022

“BANDIDO NÃO PODE TER VIDA BOA E ACHAR QUE VAI PASSAR IMPUNE EM PERNAMBUCO”, AFIRMA MIGUEL SOBRE CRESCIMENTO DA VIOLÊNCIA

 A crise de segurança em Pernambuco foi um dos temas mais abordados pelo pré-candidato ao governo Miguel Coelho em entrevista, à TV Bandnews. Ele anunciou que pretende investir R$ 200 milhões por ano na modernização das forças policiais do estado. Os recursos, que não incluem salários e outras despesas com pessoal, serão aplicados em equipamentos e inteligência.

 Segundo Miguel, a falta de liderança do governo do estado transformou Pernambuco num dos estados mais violentos do Brasil, e com o maior crescimento do número de assassinatos.

 “Bandido não pode ter vida boa e não pode achar que vai passar impune aqui em Pernambuco. Hoje, temos uma polícia desvalorizada, desmotivada, que não tem liderança no comando para empoderar e mostrar que tanto a Polícia Militar quanto a Civil terão condições de trabalho para garantir a proteção do cidadão”, disse Miguel na entrevista.

 O pré-candidato reforçou que pretende valorizar e recuperar a autoestima dos trabalhadores que combatem a violência.

 “Segurança é percepção. De um lado é prevenção e do outro repressão. No caso da repressão, não se pode ter dúvida ou receio do exercício e da finalidade da atividade policial. Não estamos defendendo nenhum tipo de abuso, mas a grande maioria dos homens e mulheres da polícia são pessoas de bem, que só querem a devida valorização, o reconhecimento e as condições de poder dar o resultado”.

 Miguel ainda lembrou que grande parte das delegacias do estado funciona de segunda a sexta-feira, sem plantão nos fins de semana, e que mais da metade dos homicídios não são solucionados. Ele defendeu também a integração das guardas municipais com as forças de segurança.

 “Temos um déficit de mais de 9 mil homens na Polícia Militar, e não é só fazer concurso, mas trazer as guardas municipais para uma política de segurança integrada. Alagoas conseguiu reduzir em mais da metade o número de homicídios. Pernambuco está na contramão. Viramos, em termos relativos, o estado mais violento do Brasil”, concluiu.

Do: Blog Agreste Notícia Fonte: Assessoria

Nenhum comentário: