quarta-feira, 3 de janeiro de 2018

EM 2017 SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE AUMENTOU MAIS DE 25% EM NÚMEROS DE HOMICÍDIOS

 O número de homicídios em Santa Cruz do Capibaribe de janeiro a dezembro de 2017 aumentou assustadoramente comparado ao mesmo período de 2016.
 Segundo informações da 17ª DESEC – Delegacia Seccional, a Capital da Moda foi palco no ano passado para 66 crimes de mortes, 14 a mais que no ano anterior, registrando assim um aumento de 26,92% em índice de CVLI – Crimes Violentos Letais Intencionais.
 O município mais que dobrou o número de pessoas assassinadas nos últimos seis anos, apresentando um acréscimo de mais de 106%. No ano passado, das 66 pessoas que tiveram suas vidas ceifadas, quase 94% delas eram do sexo masculino, já que somente quatro eram mulheres.
 90% dos casos foram praticados por meio de disparos de arma de fogo, enquanto os outros 10% se dividiram através de facas ou outros tipos de objetos. Menos de 10% das pessoas assassinadas tinham menos de 18 anos de idade, enquanto que 72,72% delas tinham idade entre 18 e 35 anos. Pouco mais de 17% das vítimas tinham de 36 a 58 anos de idade.
 Vale destacar que, 87,88% dos homicídios de 2017 ocorreram na zona urbana do município e apenas 12,12% na Zona Rural, sendo três deles somente na Vila de Poço Fundo e dois no Presídio da cidade. Os bairros mais violentos do ano passado foram Bela Vista, Dona Lica, Centro, São Cristóvão e o Santo Agostinho.
 Mais de 65% dos crimes de mortes registrados em 2017 na cidade de Santa Cruz do Capibaribe aconteceram durante a noite ou pela madrugada. Todos os 12 meses do ano passado tiveram registros de homicídios, sendo a Abril o mais violento com 12 crimes e Janeiro com 11 assassinatos.
Do: Blog Agreste Notícia

Nenhum comentário: