sexta-feira, 4 de agosto de 2017

ENTIDADES DE SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE CONSEGUEM REVERTER AUMENTO DO ICMS PARA O POLO DE CONFECÇÕES

 Após inúmeras reuniões na Secretaria da Fazenda de Pernambuco, empresários de Santa Cruz do Capibaribe, que representam entidades como a CDL, Moda Center, ASCAP e ASCONT, dentre outras, conseguiram mostrar ao Governo do Estado a inviabilidade no aumento do ICMS, proposto nas últimas semanas.
 Entre idas e vindas, reuniões e muitos argumentos,  o Governo do Estado entendeu que é preciso uma política tributária diferenciada para o Polo de Confecções de Pernambuco.
 O Diretor de Empreendedorismo e Desenvolvimento da CDL de Santa Cruz do Capibaribe, foi um dos empresários que defendeu essa diferenciação do ICMS para empresários da cidade e da região. As reuniões contaram com a presença dos prefeitos de Santa Cruz do Capibaribe, Edson Vieira; e de Taquaritinga, Lero Ivanildo.
 Bruno Bezerra, diretor da CDL Santa Cruz resumiu a conquista:
 “Numa resposta rápida, bem articulada e fundamentada com argumentos mercadológicos por parte das entidades que fazem a economia do Polo de Confecções, conseguimos reverter o aumento do ICMS para empresas [tecidos, confecções e armarinho] do SIMPLES que atuam no Polo de Confecções com fornecedores de outros estados. O Governo do Estado entendeu os argumentos e atendeu o pleito das entidades. Vamos seguir agora com o trabalho junto ao Governo do Estado focado na implantação do Expresso da Moda, que será mais uma importante conquista com ganho de competitividade para Santa Cruz do Capibaribe e o Polo de Confecções e empreendedorismo do Agreste Pernambucano”, explicou Bruno.
Portaria revoga aumento de impostos para o Polo de Confecções - Em reunião convocada de forma emergencial realizada na noite desta quinta-feira (03) na Secretaria Estadual da Fazenda, foi anunciada a revogação do aumento da carga tributária para a cadeia produtiva do Polo das Confecções.
A reunião contou com a participação efetiva da Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe, representada por Isac Aragão (secretário de Desenvolvimento Econômico e Agricultura) e Hideraldo Abrantes, que junto com entidades (ASCAP, ASCONT, CDL, FECOMÉRCIO, Parque das Feiras de Toritama e Moda Center), conseguiram reverter a ampliação em quase 400% dos tributos sobre as confecções da região.
 “É mais uma vitória conquistada, o prefeito esteve aqui no início da semana para um primeiro momento, e agora conseguimos com diálogo reverter essa situação, pois o Governo do Estado e os representantes da Secretaria da Fazenda, através de Bernardo Juarez (Coordenador da Administração Tributária Estadual) e Benedito Severiano (Diretor Geral da Receita da 2ª Região) atenderam ao pleito buscando melhorias pra nossa economia”, disse Isac Aragão.
Do: Blog Agreste Notícia Fonte: Assessoria

Nenhum comentário: