_________CLIQUE NA IMAGEM E CONFIRA NOSSO CATÁLOGO_________

quinta-feira, 3 de fevereiro de 2022

ACUSADO DE MATAR DETENTO NO PRESÍDIO DE SANTA CRUZ É CONDENADO A QUASE OITO ANOS DE RECLUSÃO

 O homicídio foi praticado na noite do dia 11 de março de 2020, durante um motim no Presídio da cidade de Santa Cruz do Capibaribe, Agreste Setentrional de Pernambuco, tendo a vítima, o detento Renato Martins da Silva, de 24 anos de idade, sofrido golpes com objeto perfuro-cortante na região dos peitos e tórax. Clique AQUI e relembre.

 As investigações apontaram que o crime de morte foi praticado pelo detento Valério Grangeiro da Silva acusado pelo Ministério Público de Pernambuco por homicídio privilegiado-qualificado.

 O réu foi submetido a júri popular nesta quinta-feira (03) no Fórum de Justiça da Capital da Moda aonde a defesa sustentou a tese de que o assassinato tenha sido praticado em legítima defesa.

 Ao final, o Conselho de Sentença em votação secreta, por maioria dos votos, condenou Valério pelo crime de morte. O excelentíssimo juiz presidente do Tribunal do Júri, João Paulo Barbosa Lima, considerou que os antecedentes criminais do réu que possuí duas condenações com transito em julgado são desfavoráveis ao imputado, que é reincidente.

 O magistrado fixou pena de 10 (dez) anos e 08 (oito) meses de reclusão, mas a expressiva e demasiada intensa provocação, considerando as condições em que foram perpetradas as ameaças por parte da vítima, a pena foi reduzida paras 07 (sete) anos e 10 (dez) meses de reclusão em regime inicialmente fechado.

Do: Blog Agreste Notícia


Nenhum comentário: