_________CLIQUE NA IMAGEM E CONFIRA NOSSO CATÁLOGO_________

quarta-feira, 19 de janeiro de 2022

ROMPIMENTO A CAMINHO – FILHOS DO PREFEITO DO BREJO SÃO EXONERADOS DA PREFEITURA DE JABOATÃO DOS GUARARAPES

Na foto: Roberto Asfora, André Ferreira e Anderson Ferreira

 O distanciamento do prefeito do Brejo da Madre de Deus, Agreste Central de Pernambuco, Roberto Asfora (PL), com o grupo Ferreira é nítido, bem como, sua reaproximação com o governador Paulo Câmara (PSB), adversário político do deputado federal André Ferreira (PSC) e do prefeito de Jaboatão dos Guararapes, o pré-candidato ao Governo do Estado, Anderson Ferreira (PL).

 O rompimento político ainda não anunciado oficialmente, mas deverá ser confirmado futuramente, tendo em vista que, as consequências do que podemos considerar ‘infidelidade política’ já é fato. De uma única canetada no dia de ontem (18 de janeiro), o prefeito Anderson demitiu os dois filhos do prefeito brejense, que recebiam altos salários da Prefeitura de Jaboatão.

 Para se ter uma ideia, somente com três pessoas da família Asfora, a Prefeitura de Jaboatão no mês passado desembolsou aproximadamente R$ 32 mil. Matheus Vinicius Dantas Abrahamian Asfora recebeu salário e vantagens no valor de R$ 12.563,49 como Assessor Especial 1 e sua irmã Gabriela Catel Abrahamian Asfora, na condição de Assessora Técnica, recebeu de salário e vantagens R$ 3.700,00. Os dois foram exonerados.

 Existe quem aposte que o próximo que também poderá pegar o ‘caminho de casa’, é Cláudio Asfora, irmão de Roberto, que recebeu no mês passado, como secretários Especial, de salário e vantagens R$ 14.690,39, de acordo com o Portal da Transparência da Prefeitura de Jaboatão e ainda R$ 2.200,00 como Conselheiro de Administração da empresa Municipal de Energia e Iluminação Pública.

 Informações dos bastidores políticos dão conta que, o pré-candidato a governador Anderson Ferreira tem se sentido traído por Asfora, isso por que, teria ofertado todo o apoio necessário enquanto Roberto esteve fora da Prefeitura do Brejo da Madre de Deus. Ao vencer as eleições de 2020 e assumir a prefeitura em 1º de janeiro de 2021, o ‘Amarelinho de Ouro’ como é chamado por seus correligionários, iniciou uma reaproximação com Paulo Câmara, com quem tinha rompido na eleição de 2018.

Do: Blog Agreste Notícia

Nenhum comentário: