_________CLIQUE NA IMAGEM E CONFIRA NOSSO CATÁLOGO_________

______________CLIQUE NA IMAGEM E SAIBA MAIS____________

quarta-feira, 20 de outubro de 2021

“FÁBIO ARAGÃO ESTÁ SE TORNANDO O MAIOR MENTIROSO DA POLÍTICA EM SANTA CRUZ”, DIZ EDSON VIEIRA

 Em entrevista concedida ao Programa Estúdio Livre, na Rádio Polo FM, em Santa Cruz do Capibaribe, na manhã da segunda-feira (18), Edson Vieira (PSDB) afirmou que o prefeito Fábio Aragão (PP) “mentiu” em audiência pública realizada semana passada onde acusou Vieira de deixar mais de 350 milhões em débitos na prefeitura.

 “Me surpreendi com essas informações divulgadas em audiência pública que já foi realizada sem a convocação pela Comissão de Finanças e Orçamento. Um número absurdo que não existe. Foi até constrangedor a forma como Fábio tentou induzir o contador da prefeitura a dizer esses números. Nem seus aliados vereadores falaram sobre o tema de tão absurdo”, disse.

 Para o ex-prefeito, Fábio tentou fazer a divulgação de uma informação falsa ao colocar projeções futuras como se fossem dívidas já existentes.

 “Ele tentou, com má fé, colocar uma dívida de 353 milhões na minha gestão. Um absurdo, pois o próprio contador da prefeitura disse que 315 milhões eram cálculos atuariais, uma projeção de débito futuro de 50 anos para frente que não podia ser colocado com débito da minha gestão. Deixamos 12 milhões em caixa para pagar 10 milhões que estavam processados. Na verdade, ele está querendo criar um discurso para acabar com o Santa Cruz Prev, o sistema de previdência própria do município que implantamos, e entregamos em dezembro com 70 milhões. Na própria audiência foi colocado que ela é uma das mais saudáveis de Pernambuco”, complementou Edson Vieira.

 Para Edson, essas informações foram divulgadas para tentar esconder a falta de eficiência da gestão Fábio Aragão, em Santa Cruz do Capibaribe.

 “Quando eu assumi em 2013 tínhamos débitos de gestões passadas, como CELPE, COMPESA, IPSEP e parcelamento de INSS, inclusive realizei auditoria na época, mas em vez de ficar procurando culpado, resolvi trabalhar e não ficar inventando desculpas. Ele tem é que se explicar porque em dez meses já inchou a máquina pública extrapolando o percentual chegando a 58% com despesa de pessoal”, finalizou Vieira.

Do: Blog Agreste Notícia Fonte: Assessoria 

Nenhum comentário: