_________CLIQUE NA IMAGEM E CONFIRA NOSSO CATÁLOGO_________

______________CLIQUE NA IMAGEM E SAIBA MAIS____________

quarta-feira, 3 de fevereiro de 2021

ENERGIA DA CASA DE ACOLHIMENTO DO BREJO É CORTADA E CRIANÇAS FICAM NA ESCURIDÃO

 A reportagem do Blog Agreste Notícia recebeu várias reclamações de populares informando que a energia da Casa de Acolhimento localizada no bairro Marajás em Brejo da Madre de Deus, Agreste Central de Pernambuco, havia sido cortada pela CELPE – Companhia Energética de Pernambuco – por falta de pagamento.

 De acordo com as informações, as crianças ficaram em meio a escuridão até que um eletricista que presta serviço a Prefeitura Municipal religou a rede de forma clandestina.

 A reportagem entrou em contato com a Assessoria de Comunicação que a princípio explica que não existe dívida do imóvel junto a CELPE, em seguida diz que, a despesa que existia foi deixada pela antiga gestão, mas que foi paga pela atual e que desconhece a religação de forma clandestina, já que a solicitação de religação foi feita de forma oficial pela CELPE.

 O Blog ainda questionou do porquê foi cortada uma energia que no princípio da nota afirma está em dia, mas que no final informa que foi solicitada a religação. Mas até o fechamento da matéria, não tivemos retorno se a CELPE suspendeu o fornecimento da energia estando o imóvel em dia com a empresa.

Confira nota na integra:

NOTA - SECRETARIA DE ASSISTÊNCIA SOCIAL

 Primeiro ponto a ser abordado, não existe nenhuma divida do imóvel com a Celpe e a despesa que existia foi deixada pela antiga gestão, a mesma foi paga pela gestão do prefeito Roberto Asfora.

 Sobre ligação de energia clandestina, a secretaria não tem ciência dessas informações, a solicitação de religação foi feita a celpe de maneira oficial, diante da denúncia enviada por este blog estamos averiguando as imagens e informações enviadas.

 No tira-teima, buscamos em uma pesquisa na internet e constamos duas contas em aberto, a primeira vencida no dia 18 de dezembro do ano passado no valor de R$ 230,45 e a segunda já adquirida no atual governo, com vencimento em 19 de Janeiro de 2020, no valor de 282,04. Consulta realizada na noite desta quarta-feira (03 de fevereiro).

Do: Blog Agreste Notícia

Nenhum comentário: