quarta-feira, 2 de maio de 2018

“INFELIZMENTE NÃO HÁ MAIS O QUE FAZER, A NÃO SER, O SEPULTAMENTO”, DIZ TIO DE HOMEM ELETROCUTADO EM PARQUE DE DIVERSÃO


 O popular “Bezerrão”, tio do paraibano Natálio Quitans Bezerra, de 24 anos de idade – que morreu na última segunda-feira (30de abril) eletrocutado em um parque de diversão instalado no bairro Planalto, em Toritama no Agreste Setentrional de Pernambuco, concedeu entrevista ao repórter e correspondente do Blog Agreste Notícia na Capital do Jeans, Niedson Lopes.
 “Eu estava viajando quando minha esposa ligou dizendo que ele havia falecido, fiquei preocupado sem saber a causa da morte, mas posteriormente tomei conhecimento que tinha sido um choque elétrico, outros contam outras histórias, mas quem sou eu pra fazer alguma avaliação? Não sei o que a Polícia vai constatar na perícia”, explicou sobre como tomou conhecimento.
 O tio da vítima considerou o caso como uma fatalidade e que agora a última coisa que pode ser feito, é o sepultamento que tem tido o apoio do proprietário do parque de diversão.
 “Isso é uma fatalidade, infelizmente aconteceu e a gente quase nada pode fazer, a não ser, cuidar do sepultamento que será na Paraíba aonde vamos cuidar do funeral. O pessoal do parque está dando assistência, ajudando na verdade e infelizmente não tem mais o que fazer”.
 O último contato que “Bezerrão” teve com o sobrinho tinha sido a cerca de 50 dias quando a vítima passou em sua casa e conversou um pouco.
Ouça a entrevista:
Do: Blog Agreste Notícia

Nenhum comentário: