segunda-feira, 21 de maio de 2018

CAMPANHA NACIONAL DE COMBATE A EXPLORAÇÃO SEXUAL DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES, MARCA O DIA ‘D’ EM SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE


 Aconteceu na sexta-feira (18) na AABB (Associação Atlética Banco do Brasil), um evento em alusão ao Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. O evento, organizado pela Prefeitura Municipal contou com apoio da Secretaria de Governo e Desenvolvimento Social, do Centro Especializado de Assistência Social (CREAS), Conselho Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente (COMDECA) e do Conselho Tutelar.
 Com o slogan, “Faça bonito. Proteja nossas crianças e adolescentes”, o evento ainda teve na sua programação, iniciada desde a terça-feira (15), a exibição de vídeos, depoimentos e campanhas educacionais voltadas à participação dos alunos do município. Um concurso cultural com o tema: “Mexa-se contra o abuso e violência sexual com crianças e adolescentes”, premiou as melhores produções textuais e os trabalhos artísticos, elaborados pelos alunos do 5° e 9° ano da rede municipal de ensino.
 Os vencedores foram contemplados com vale-prêmios para a compra de materiais escolares, dois tablets e entrega de certificados.
 O secretário de Governo e Desenvolvimento Social, Ivanilson Feitosa, falou sobre a discussão do tema e a participação da sociedade, buscando combater essas práticas.
 “Sabemos que os números em nosso município chamam atenção e a idealização de ações que busquem promover a participação dos pais ou responsáveis, serve como alerta para a violação das crianças e adolescentes. Nossa Secretaria tem apoiado ações que visem o bem-estar da nossa população e é importante essa integração com os demais órgãos que estão nesse enfrentamento”, ressaltou.
 A organizadora do evento e coordenadora do CREAS, Juliana Araújo, comentou sobre a ação e destacou os motivos de sua realização.
 “O evento é uma forma de chamar mais atenção da sociedade para o tema. É importante a participação de todos, pois, com a conscientização e alerta para os cuidados que devem ser tomados, podemos proporcionar esse combate”, frisou.
 O evento foi realizado em vários prédios públicos do CRAS nos bairros do município, com atividades voltadas à conscientização e ao encorajamento das pessoas, das crianças e dos adolescentes, em denunciar os possíveis abusos.
Denunciar – As pessoas devem procurar o Conselho Tutelar, CREAS ou CRAS, ou ligar para o Disque 100. A identidade do denunciante fica no anonimato.
Do: Blog Agreste Notícia Fonte: Assessoria

Nenhum comentário: