sexta-feira, 31 de março de 2017

EDSON VIEIRA PARTICIPA DE INAUGURAÇÃO DO SISTEMA ADUTOR PIRANGI

 O prefeito de Santa Cruz do Capibaribe Edson Vieira (PSDB) esteve presente na tarde desta quinta-feira (30), na cerimônia de inauguração do Sistema Adutor Pirangi. O ato aconteceu em Caruaru, Estação Tratamento de Água da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) no Bairro Petrópolis.
 O novo sistema foi construído como alternativa de ampliar o Sistema Adutor do Prata e dar sustentabilidade ao abastecimento de água do Agreste pernambucano. Com o sistema a região terá um aumento considerável, passando de 650 para 980 litros por segundo de água, a partir da capacitação do Rio Pirangi nas proximidades da cidade de Catende.
“Essa é uma luta nossa, uma conquista de nosso grupo que há um ano tem trabalhado por melhorias no abastecimento de água de Santa Cruz do Capibaribe. Sabemos que esse sistema do Pirangi não vai suprir todas nossas necessidades, porém vai estender o sistema de abastecimento de água de Santa Cruz do Capibaribe e região que hoje é fornecido pela barragem do Prata”, contou o prefeito Edson Vieira.
 Ao se pronunciar o Governador Paulo Câmara falou da importância da obra para o agreste pernambucano.
“A obra vai servir para amenizar o sofrimento da população por água nesta região. Pirangi está funcionando e vamos fazer ampliações no Prata", afirmou o governador.
“O Sistema Adutor do Pirangi foi uma engenharia pernambucana, uma ideia que surgiu dos nossos técnicos, sabemos que a transposição estava atrasada e que o ramal do agreste que é quem vai alimentar o adutor do Agreste não ia chegar a tempo, o governador do estado foi ágil, tomou a decisão, fez a negociação com o banco mundial e estamos trazendo água da Mata Sul para socorrer o Agreste”, contou Roberto Tavares, Presidente da Compesa.
 Os municípios beneficiados são: Santa Cruz do Capibaribe, Agrestina, Altinho, Ibirajuba, Caruaru, Cachoeirinha, Toritama, Riacho das Almas, Cumaru e Passira, atendendo 800 mil pessoas. O Sistema Adutor do Pirangi é fruto de uma parceria entre o Governo de Pernambuco, a Compesa e o Banco Mundial. Foram investidos mais de R$ 60 milhões.

Do: Blog Agreste Notícia Fonte: Assessoria

Nenhum comentário: