segunda-feira, 14 de novembro de 2016

VEREADOR DIZ QUE DOCUMENTOS REFERENTES À FISCALIZAÇÃO SUMIRAM DA CÂMARA MUNICIPAL DE TAQUARITINGA DO NORTE

 Na reunião da Câmara de Vereadores de Taquaritinga do Norte, que aconteceu na quinta-feira (03), o vereador Demar César (PSD) acusou o assessor jurídico da Casa Legislativa de não lhe entregar documentos referentes a uma fiscalização realizada pelos vereadores no Hospital Geral Severino Pereira da Silva, no ano de 2015, quando foi constatada a grave situação da estrutura da principal unidade de saúde do município. De acordo com o parlamentar, o assessor jurídico da casa garante que os documentos desapareceram.
 “Desde agosto de 2015 fizemos uma fiscalização no Hospital Geral Severino Pereira da Silva onde encontramos tudo errado, é um monte de papel quase da minha altura, mais ou menos uns 40 quilos de papel. Nós sentamos aqui, passamos três meses em várias reuniões, feito uns bestas, para fazer a mudança da lei orgânica do município e o regimento interno da Câmara, fizemos com o presidente, entregamos esses documentos ao Doutor Clayton e ele disse que os papéis sumiram!”, desabafou o vereador.
 Mostrando-se indignado com o fato, Demar disse ter criticado e questionou o sumiço dos documentos, através de requerimento ao advogado Dr. Edson Clayton.
 “No dia 19 de maio de 2016 eu fiz um requerimento ao Dr. Edson Clayton, assessor jurídico da Câmara Legislativa de Taquaritinga, onde solicitei a devolução dos documentos referente à FUNDATA. Quando foi no dia 17 de junho fui criticado, fui pressionado, aí disse a Geovane; você é o presidente, tá aqui protocole! Ele assinou, entregou a doutor Clayton que até hoje não entregou os papéis”, explicou Demar que logo em seguida jogou questionamentos no ar: “Isso é um governo sério? Tem a mão de alguém? Ou é esse advogado que é irresponsável desse jeito?”.
 No final do seu discurso na tribuna da Câmara Municipal de Vereadores de Taquaritinga do Norte, Demar falou sobre o fim da atual legislatura, se mostrou descontente por não ter conseguido a reeleição e criticou a postura de colegas parlamentares e da Câmara.
 “Os vereadores de Taquaritinga não estão fazendo nada, a gente denuncia, mas não tem apoio, se têm dois ou três que querem fazer, os outros não se juntam para fazer. Só faz se tiver coletivo, um sozinho não faz”, encerrou.
Por: Paulo Pereira/PE Mais
Do: Blog Agreste notícia

Nenhum comentário: