quinta-feira, 8 de setembro de 2016

EXCLUSIVO - CANDIDATURAS DE ROBERTO ASFORA E MARQUINHOS DE MANDAÇAIA SÃO IMPUGNADAS PELA JUSTIÇA ELEITORAL

Foto/Assessoria
 Enquadrado na Lei do Ficha Limpa, o ex-prefeito de Brejo da Madre de Deus, Roberto Asfora (PSDB), teve seu registro de candidatura impugnado pelo Juiz Eleitoral da 54ª Zona, Elias Soares da Silva, no dia de ontem (quarta-feira).
 A decisão do Magistrado foi publicada nesta quinta-feira (08) no Mural Eletrônico. Ele acatou o pedido de indeferimento apresentado pelo Ministério Público de Pernambuco (MPPE) em sua totalidade e parcialmente o pedido da coligação “Juntos Construindo o Futuro”.
 A candidatura de vice-prefeito de Marquinhos de Mandaçaia (PTC) – companheiro de chapa de Roberto Asfora – também foi impugnada pelo Juiz Elias Soares.
 O MPPE argumentou no pedido de impugnação que, Roberto Asfora, teve os direitos políticos suspensos devido uma condenação na 5ª Região do Tribunal Regional Federal (TRF), por crime contra a fé pública e falsidade ideológica.
 Já a coligação ‘Juntos Construindo o Futuro’ usou como base do pedido de impugnação, a condenação acima citada e acrescentou outra condenação na 16ª Vara Federal pelo crime de Improbidade, além das contas rejeitadas da Prefeitura Municipal de Brejo da Madre de Deus no exercício financeiro de 2007, quando Roberto Asfora era o ordenador de despesas. Essas contas já foram rejeitadas pelo TCE-PE – Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco – e pela Câmara Municipal de Vereadores.
 Os candidatos poderão recorrer da decisão ao TRE-PE – Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco – ou substituir os candidatos.
 A reportagem do Blog Agreste Notícia entrou em contato com a assessoria do ex-prefeito Roberto Asfora que não quis se pronunciar sobre o assunto.
Do: Blog Agreste Notícia

Nenhum comentário: